Categorias
Gravidez pós-perda

Gravidez após a perda: 3º trimestre

Semana 31

Apoio para uma gravidez depois da perda

De repente, a ideia de trazer um bebé para casa começa a tornar-se realidade. Nas próximas semanas vai notar um surto de crescimento – é verdade, essa barriguinha, que parece tão grande já, vai crescer ainda mais. Não se preocupe, é normal. O seu bebé está agora a armazenar gordura para melhor regular a sua temperatura quando nascer (e claro, parecer delicioso quando o fizer!). Por agora, a pele dele também já está mais rosada e lisa.

Esta semana o seu bebé deve chegar a 1.5kgs e cerca de 41 centímetros. Algures entre agora e as próximas semanas deve também começar a virar para se colocar de cabeça para baixo. Se isto não acontecer, não se preocupe, mais para a frente, isto será revisto e o seu obstetra irá discutir as suas hipóteses. No entanto, tente relaxar: alguns bebés só se colocam em posição mesmo antes do parto.

Por esta altura, deve estar a começar a pensar em aulas pré-natais. Para muitas famílias que perderam o seus bebés a termo ou nos cuidados neonatais, este pode ser um enorme gatilho. Para famílias que perderam bebés cedo pode ser um misto de entusiasmo e ansiedade. Todas estas emoções são normais. O objetivo é pensar no que é melhor para o seu bebé. Algo que pode ajudar, será uma doula, uma grande ajuda emocional nesta viagem após a sua perda. Pode ler mais sobre doulas e algumas recomendações aqui. Sugerimos, também, que procure este tipo de apoio o mais cedo possível para um suporte robusto durante a gravidez.

Estou grata por sentir vida a crescer dentro de mim. E, hoje, isso chega.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.