Categorias
Gravidez pós-perda

Gravidez após a perda: 1º trimestre

Semana 5

Apoio para uma gravidez pós-perda

Por esta altura, ou está a levar esta gravidez de forma bastante zen – se for o caso, parabéns! – , ou já fez um segundo (ou terceiro, ou até quarto) teste de gravidez “só para ter a certeza”.

Nesta semana, já deve ter comunicado a gravidez ao seu médico de família e /ou obstetra para poder marcar a primeira consulta e possível ecografia intravaginal algures entre as 6 e as 8 semanas.

Para além disso, pode começar a sentir sintomas como cansaço, peito sensível e os queridos enjoos.

Mas isso é bom! Às 5 semanas o embrião tem cerca de 2 milímetros, o que significa que, apesar de não poder ainda sentir o seu bebé ou haver transformações físicas visuais, muitas coisas estão a acontecer dentro de si. E sintomas são sempre reconfortantes; significam (na grande maioria) que tudo está a correr como previsto.

Afirmação: Eu estou a fazer tudo o que é possível para trazer este bebé para casa.

Um comentário a “Gravidez após a perda: 1º trimestre”

Obrigado pelo artigo é mesmo isso. Por aqui agastei me um pouco deste cantinho que me fez tão bem. Actualmente já entrei no 3 trimestre e estou à espera do meu segundo arco iris tive 3 perdas 1 antes do primeiro bebe arco iris e só etou no terceiro trimestre deste bebe porque arquei com as custas e insisti para me fazerem os estudos para descobrir o que se passava conclusao tenho uma trobofilia logo tenho de fazer injecoes diárias por isso considero a minha filha viva 1 filha milagre porque apesar de ter perdido sangue com as semanas que perdia sempre os bebes consegui levar a gravidez a termo sem ter tomado as injecoes logo ela ter vingado sabendo hoje da trombofilia considero 1 milagre

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.